o meu quarto azul * my blue bedroom

Nos finais de 80 e principio dos anos 90 usou-se e abusou-se dos azuis na decoração das casas, o que levou a uma saturação desta cor. Durante uns anos continuei a utilizar azul em quartos de criança (principalmente o turquesa que é uma das minhas cores), até que voltei a sentir a necessidade de o fazer em outras divisões da casa mas não conseguia convencer os clientes porque achavam que se iam cansar rapidamente! Até que um dia vou ao cinema ver o filme ‘sexo e a cidade’ e vejo o quarto azul da Carrie. Pensei que era a oportunidade para convencer os clientes mas nem assim!

Imagemquarto azul da Carrie em o sexo e a cidade

Há dois anos convidaram-me para fazer um programa de televisão no Porto canal onde poderia fazer o que quisesse e aí pensei, eis a oportunidade para o fazer e logo num quarto com uma vista para a foz do Douro!

Imagem

Não queria fazer apenas um quarto pintado com quadros nas paredes, gostaria de criar algo diferente, onde pudesse fazer uma composição em que utilizasse vários objectos, materiais diferentes e de uma forma assimétrica. E daqui nasceu o meu quarto azul em que utilizei um diptíco do Urbano, gravuras do Sempé, quadros da Michele Riesnemeyer, decalques de parede, um candeeiro suspenso em feltro, outro de mesa em metal, duas mesas de cabeceira diferentes e ainda duas almofadas decorativas.

Eu tive este desejo e consegui concretiza-lo.

 

A mensagem para vocês é a mesma. Quando tiverem um sonho façam como eu e arrisquem!

Imagem

In the 80´s and early 90’s the blue tones have been used and abused in decoration of homes, which lead to a saturation of this colour. During some years I’ve continued to use blue in children’s bedrooms (especially turquoise blue, which is one of my favourite colours), and even felt the need to do it in other rooms of the homes, but I haven’t managed to convince my clients, as they thought they would soon get fed up of it! Then one day I went to the cinema to watch “Sex and the City”, and I saw the blue bedroom of Carrie Bradshaw. I then thought this would be a great opportunity to convince my clients, but no, not at at all!

Imagem

Two years ago I was invited to participate in a TV program in Oporto, where I could do whatever I felt like doing, and I thought “here’s my chance of doing it”, and better still, in a bedroom with a view towards river Douro estuary!
I didn’t intend to create only a painted bedroom with paintings on the wall, I was willing to create something different instead, a space where I could make a composition using several objects, different materials, and all that in an assimetric way.
Thus came to life my blue bedroom, in which I’ve used a diptych by Urbano, engravings by Sempé, paintings by Michele Riesnemeyer, decalcomanias on the walls, a felt lamp hanging from the ceiling, a metal lamp on a table, two different bedside tables and even two decorative cushions.

 

Imagem

 
I’ve had this desire and I’ve managed to bring it to life.
 
The message to you is the same. Whenever you have a dream, do as I did – take the risk!

 

 

Advertisements

About Atelier Lígia Casanova

Graphic, interior designer and art director for advertising movies. “To make room for happiness” is my moto. www.ligiacasanova.com

2 comments

  1. miguel

    Olá Ligia. Vi o programa que refere no seu texto. Gostei muito desse apartamento. O seu quarto azul é muito bonito e, quanto a convencer os seus clientes, acho que os conquistou definitivamente. Vou pintar uma parede deste azul no meu apartamento. Que azul é este? Onde o posso encontrar?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: